Matheus Carvalho celebra mais um gol decisivo pelo Náutico


O Náutico passou de fase na Copa do Brasil 2020 ao bater o Toledo, no estádio 14 de Dezembro, no Paraná, na noite de quarta-feira (12). A vitória por 2x0 teve como autores dos gols o meia Jean Carlos, de pênalti, e o meia-atacante Matheus Carvalho, ambos no segundo tempo. E Matheus, que selou a conquista, mais uma vez marca um tento decisivo para uma classificação do Timbu.

Foi o meia-atacante quem bateu o último pênalti no acesso à Série B, diante do Paysandu, em setembro de 2019. Aquela rede balançada era referente às quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série C. O jogo seguinte, na semifinal diante do Juventude, Matheus Carvalho também foi o responsável por colocar a última cobrança no gol.

No tempo normal, ele foi o autor que garantiu o primeiro título nacional do Náutico, ao empatar com o Sampaio Corrêa, já em outubro do ano passado, no jogo de volta da final (o Timbu havia vencido a partida de ida). Na noite de quarta, mais uma vez aconteceu. "Estou ficando predestinado. Estou plantando e estou colhendo", comemorou o meia-atacante alvirrubro.

Agora, o Alvirrubro da Avenida Conselheiro Rosa e Silva tem pela frente o Botafogo, na segunda fase da Copa do Brasil 2020. O jogo será nos Aflitos, mas a data ainda não está definida pela CBF. Por isso, o jogador prefere pensar no clássico com o Sport, sábado (15), pela Copa do nordeste 2020, em casa, às 18h.

"A gente estava bem focado quando falou antes do jogo (contra o Toledo), não ligando para o dinheiro, isso deixa para o clube. Importante para a sequência da temporada. Estou muito feliz. Continuar, descansar e pensar na pedreira com o Sport", completou Matheus Carvalho. O resultado na taça nacional coloca mais R$ 650 mil na conta do Náutico.

Foto: Caio Falcão / Naútico

 
Managing dreams, managing winners. We play together!
    www.prontosite.com.br